CONTATO

Entre em contato pelo telefone
(11) 3093-7333, de segunda a sexta-feira, das 9h às 18h; pelo
e-mail atendimento@soudapaz.org, ou envie uma mensagem por meio do formulário a seguir:


Assessoria de Imprensa

Izabelle Mundim
izabelle@soudapaz.org


Desejo receber as newsletters do Instituto Sou da Paz.

NOTÍCIAS

CNJ cobra agilidade na destruição de armas estocadas em fóruns

27 de maio de 2015 às 03:31

O Conselho Nacional de Justiça (CNJ) enviou no último mês um ofício a todos os corregedores regionais cobrando maior agilidade no processo de destruição de armas apreendidas e estocadas em depósitos judiciais. O pedido do conselheiro Gilberto Valente Martins é baseado numa pesquisa do Instituto Sou da Paz que revelou falhas nesse processo em Recife (PE), Campo Grande (MS) e Campinas (SP).

Realizado em parceria com a Secretaria Nacional de Justiça, o estudo “Fluxo das Armas sob Custódia do Estado” identificou que o Poder Judiciário ainda representa um gargalo neste procedimento, retendo as armas como provas processuais mesmo depois do laudo da perícia. O próprio CNJ determinou, na Resolução 134/2011, que nesta situação as armas devem ser rapidamente destinadas à destruição ou restituição em caso de proprietário legítimo, dado que sua guarda nos fóruns gera um grande risco à segurança pública, ficando suscetíveis a desvios, furtos e roubos.

A pesquisa já gerou um pedido de providências que solicita esclarecimento dos Tribunais que foram objeto do estudo (Pernambuco, Mato Grosso do Sul e São Paulo) e pede ciência do problema a todos os demais.

O Instituto Sou da Paz seguirá acompanhando de perto as medidas dos órgãos de controle responsáveis para que este problema seja sanado o mais rapidamente possível, reduzindo riscos e diminuindo o número de armas ilegais em circulação.

QUER FAZER PARTE?

APOIE O SOU DA PAZ

A Paz na Prática acontece com você.

#SouDaPaz

Participe das nossas redes sociais