Voltar

Policiais que ajudarem a cumprir metas vão ganhar bônus em SP

Reportagem veiculada no Bom Dia Brasil, da TV Globo, no dia 23 de maio de 2013.

materia_planogovernoNesta quinta-feira (23), começa a parceria entre o governo do estado e instituições que vão definir metas de redução de criminalidade para policiais civis e militares. Quem cumprir as metas vai ganhar um bônus em dinheiro. A medida foi anunciada pelo governo na quarta para tentar reduzir a violência.

O plano do governo prevê a análise do desempenho dos policiais. Os critérios e o valor do prêmio serão definidos com a ajuda dos institutos Falconi e Sou da Paz.

“É uma coisa bastante simples: quais são os índices que a gente tem hoje, quais o que a gente quer priorizar, aonde a gente quer chegar, que esforços a gente precisa empenhar. Então, o sistema de metas tem a ver com isso, no fundo”, afirma a diretora do Sou da Paz, Luciana Guimarães.

A ideia do governo é premiar com dinheiro os policiais que contribuírem para a redução dos índices de criminalidade. Os nomes dos primeiros beneficiados só devem ser divulgados no fim do próximo semestre, depois que a Secretaria de Segurança Pública concluir a análise desse primeiro período do plano antiviolência.

“Precisamos empreender um grande esforço concentrado e agora o faremos com uma participação mais ativa, mais direta da sociedade civil no que se refere aos crimes contra o patrimônio, como são os roubos, assaltos, latrocínios”, disse Fernando Grella.

O governo também anunciou outras medidas contra a violência, como a contratação de 2,8 mil policiais civis e de quase dois mil profissionais para a polícia científica.

Segundo o especialista Sérgio Adorno, ainda é cedo para avaliar o pacote. Mas ele acredita que o principal a fazer para reduzir a violência é valorizar os policiais. “Uma política de carreiras claras, com progressão, com formação, com estímulos a que o policial possa se identificar com a sua missão institucional e possa desempenhar melhor o seu trabalho”, ressaltou.