CONTATO

Entre em contato pelo telefone
(11) 3093-7333, de segunda a sexta-feira, das 9h às 18h; pelo
e-mail atendimento@soudapaz.org, ou envie uma mensagem por meio do formulário a seguir:


Assessoria de Imprensa

Izabelle Mundim
izabelle@soudapaz.org


Desejo receber as newsletters do Instituto Sou da Paz.

NOTÍCIAS

Sou da Paz defende controle do comércio internacional de armas no Itamaraty

13 de março de 2014 às 03:39

O Instituto Sou da Paz participou nesta quarta-feira (12), do evento Diálogos sobre Política Externa, realizado no Palácio do Itamaraty, em Brasília, para discutir os rumos da política externa brasileira. O painel teve como tema as “perspectivas sobre a nova governança internacional: desafios para o Brasil”. 

Embaixadores, ministros e ex-ministros de Estado, professores universitários, jornalistas e organizações da sociedade civil participaram do encontro. O Instituto Sou da Paz, representado pelo coordenador de projetos Marcello Baird, defendeu que o país seja mais participativo e lidere as discussões globais de defesa e segurança, com especial atenção para o controle do comércio internacional de armas. 

Para atingir esses objetivos, o coordenador do Instituto cobrou do Itamaraty ações concretas no plano nacional que demonstrem nosso compromisso no tema. “Uma primeira medida seria a aprovação rápida do Tratado sobre o Comércio de Armas, primeira lei internacional a regular este mercado. O texto do Tratado está para do Itamaraty há nove meses. A outra medida seria conferir maior transparência à política nacional de exportação de armas, que ainda hoje é regida por um decreto dos tempos da ditadura”, afirma Baird.

Ao final da fala do representante do Sou da Paz, o embaixador Carlos Paranhos, que presidia a sessão, fez uso da palavra para informar que os trâmites internos do Tratado no Itamaraty já terminaram e que o Tratado seguirá imediatamente aos outros ministérios. 

A agilização dos trâmites no Itamaraty ocorre 16 dias depois de o Sou da Paz, juntamente com outras organizações da sociedade civil, ter enviado ofício cobrando uma decisão sobre o tema.

O Instituto Sou da Paz pretende monitorar e dialogar com os Ministérios da Defesa e Justiça, órgãos que terão que se manifestar sobre a adoção do Tratado, antes de seu envio ao Congresso.

QUER FAZER PARTE?

APOIE O SOU DA PAZ

A Paz na Prática acontece com você.

#SouDaPaz

Participe das nossas redes sociais