CONTATO

Entre em contato pelo telefone
(11) 3093-7333, de segunda a sexta-feira, das 9h às 18h; pelo
e-mail atendimento@soudapaz.org, ou envie uma mensagem por meio do formulário a seguir:


Assessoria de Imprensa

Izabelle Mundim
izabelle@soudapaz.org


Desejo receber as newsletters do Instituto Sou da Paz.

NOTÍCIAS

Ranking criado pelo Sou da Paz é tema de webinar com organizações latino-americanas

10 de abril de 2020 às 03:22

Mais de 40 pessoas, entre membros do Observatório de Seguridad Ciudadana, de Córdoba, da OEA e outras organizações latinas se reuniram para conhecer metodologia do Índice de Exposição a Crimes Violentos, desenvolvido pelo Sou da Paz

Na última quarta-feira (8), a equipe de pesquisa do Instituto Sou da Paz responsável pelo Índice de Exposição a Crimes Violentos de São Paulo apresentou para um grupo de 40 pessoas, entre membros do Observatório de Seguridad Ciudadana, de Córdoba, na Argentina, outros observatórios latinoamericanos, além de universidades e operadores da área de justiça e segurança, o processo de construção da metodologia do ranking criado há dois anos e que mede a exposição aos crimes violentos dos municípios paulistas que possuem mais de 50 mil habitantes.

Como uma das missões do Sou da Paz, a Fundação Observatório de Seguridad Ciudadana é uma organização não governamental dedicada a analisar e comunicar informações sobre violência e construir políticas públicas de segurança em parcerias com governos, sociedade civil e universidades.

A pedido do observatório, os pesquisadores Leonardo Carvalho e Rafael Rocha apresentaram mudanças recentes realizadas para aperfeiçoar a metodologia do indicador. O objetivo do encontro compartilhar com as demais organizações os objetivos, conceitos e  a metodologia utilizados, para que o indicador seja replicado em outros países

O trabalho do Instituto Sou da Paz em desenvolver o índice foi elogiado pelos participantes. Roberto Gonzales, membro do Observatório, destacou que por meio do espírito colaborativo entre organizações da região e com o auxílio da OEA (Organização dos Estados Americanos), também presente no evento, a iniciativa pode ser replicada nos demais países da América Latina.

Também participaram do encontro a diretora-executiva do Instituto Sou da Paz, Carolina Ricardo, e Bruno Langeani, gerente de projetos, além de membros do Observatório, representantes de instituições argentinas e outras organizações latinas, como Observatorio del Delito y la Violencia (Honduras), Universidade de Córdoba, Policía de Investigaciones (Chile), Consejo de Seguridad Ciudadana del Cantón Cuenca (Equador), Ministerio de Justicia y Paz (Costa Rica), Universidade Central (Colômbia), além de membros do poder público como a Polícia da Província de Córdoba e da Polícia Nacional (Chile), bem como da Organização dos Estados Americanos (OEA).

Sobre o IECV

O Ranking de Exposição a Crimes Violentos das cidades do estado de São Paulo foi desenvolvido pelo Instituto Sou da Paz e é publicado periodicamente em parceria com o jornal O Estado de S. Paulo. 

O índice mede a exposição à violência dos municípios paulistas que possuem mais de 50 mil habitantes e considera crimes letais, sexuais e contra o patrimônio. O ranking de municípios permite a comparação da vulnerabilidade da população a esses crimes – tanto entre municípios quanto ao longo dos anos.

Recentemente o índice teve sua metodologia aperfeiçoada e uma nova edição será publicada em breve.

QUER FAZER PARTE?

APOIE O SOU DA PAZ

A Paz na Prática acontece com você.

#SouDaPaz

Participe das nossas redes sociais